segunda-feira, 26 de março de 2012

Workshop "Construir com Terra"_05Maio2012

No seguimento da parceria com a TerraFirme na área da formação, o ArquitecturasdeTerra volta a promover um workshop de construção com terra, a realizar-se no dia 5 de Maio de 2012 entre as 10 às 18h, no Centro Tinkuy, em Almoçageme, Sintra.




















Será uma excelente oportunidade para arquitectos, arqueólogos, engenheiros, advogados, médicos e todos os interessados experimentarem e participarem no debate sobre a construção com terra. Nesta formação serão abordadas questões e alternativas relacionadas com a diversidade, sustentabilidade e gestão de recursos naturais associadas a estas técnicas e a sua aplicabilidade em obra.

A componente prática do workshop será centrada na construção de um modelo protótipo em taipa, em torno do qual todas as questões de materialidade e tecnologia, beleza e expressividade, de simplicidade e complexidade da construção com terra poderão ser entendidas.
TODOS estão convidados a participar!

Para mais informações sobre as condições de inscrição no workshop podem aceder aqui ou através do site da TerraFirme.
O programa completo do workshop pode ser consultado aqui.

TERRA 2012_22-27April_PUCP_Lima, Peru







XIth International Conference on the Study and Conservation of Earthen Architectural Heritage, Terra 2012

The International Scientific Committee on Earthen Heritage (ICOMOS/ISCEAH) and the Pontificia Universidad Católica del Perú (PUCP) are pleased to announce the International Conference on the Study and Conservation of Architectural Heritage, TERRA 2012.
The Ibero-American Seminar on Earthen Architecture and Construction (XII SIACOT) and SismoAdobe 2012 will be held simultaneously, the events will take place from 22 to 27 April 2012 on the campus of the PUCP in Lima, Peru.

The conference will provide a unique and invaluable opportunity to discuss and exchange information on the latest advances in the conservation field. Moreover, participants will learn about the cultural identity of earthen architecture in Latin America and be able to observe firsthand conservation issues in Peru, a country with a long and rich tradition of construction with earth and severe seismic activity.

quarta-feira, 14 de março de 2012

Formação_ Conservação e Reabilitação do Património em terra crua_CRATerre-ENSAG

No quadro do programa de formação « Bâtir en terre aujourd'hui », o laboratório do CRATerre-ENSAG propõe uma formação sobre  conservação e reabilitação do património em terra crua, particularmente importante na Arquitectura Vernacular em França, na Europa e no mundo.
Esta formação terá lugar entre os dias 9 e 11 de Maio de 2012 na Ecole Nationale Supérieure d'Architecture de Grenoble (ENSAG).
Para mais informações, poderão descarregar abaixo:
informação / apresentação sobre esta formação

Workshop Rammed Earth_Belgium

WORKSHOP RAMMED EARTH _BELGIUM_2012
From 19/3/2012 to 15/4/2012,  Ken De Cooman and Nicolas Coeckelberghs  will organize for Building Case Studies the first Rammed Earth workshop in Belgium.
It will be a workshop of Rammed Earth and Lime Tile techniques with CRATerre members, Hugo Gasnier and Quentin Chansavang.
All practical info:
IN ENGLISH HERE
EN FRANCAIS ICI
More info about the project here:


















quarta-feira, 7 de março de 2012

ESG/ Escola Superior Gallaecia vence Candidatura de Projecto de Investigação Europeu

O Arquitecturas de Terra tem muito prazer em informar que a Escola Superior Gallaecia venceu o projecto de investigação europeu VerSus, dedicado ao Património Vernáculo e ao seu contributo para uma Arquitectura Sustentável, no âmbito do Programa Cultura da União Europeia.
A candidatura foi apresentada pela ESG/ Escola Superior Gallaecia, na qualidade de Project Leader, com parceria do Laboratório CRAterre-ENSAG (Grenoble, França), da Università degli Studi di Firenze (Florença, Itália), da Universitat Politècnica de València (Espanha) e da Università degli Studi di Cagliari (Sardenha, Itália).
Para mais informações, consulte o Centro de Investigação ESG (CI-ESG) ou clique aqui.


A ESG/ Escola Superior Gallaecia venceu o Projeto de Investigação Europeu “VERSUS: Lessons from Vernacular Heritage to Sustainable Architecture” (VerSus: Lições do Património Vernáculo para Arquitectura Sustentável) ao abrigo do Programa Europeu Cultura (2007-2013). O projecto foi submetido no âmbito da linha de investigação ‘Arquitectura e Património’, do CI-ESG, Centro de Investigação da Escola Superior Gallaecia (www.esg.pt/ciesg), coordenado pela Prof.ª Doutora Mariana Correia. Considerando que a arquitetura vernácula representa um recurso com métodos e estratégias amplamente desenvolvidos e com potencial para definir princípios de projecto sustentável no âmbito da arquitetura contemporânea, o projeto VerSus visa identificar e
analisar princípios e componentes sustentáveis do património vernáculo, para sua readequação na arquitetura contemporânea actual.
A candidatura foi apresentada pela ESG/ Escola Superior Gallaecia, na qualidade de Project Leader, com parceria do Laboratório CRAterre-ENSAG (Grenoble, França), da Università degli Studi di Firenze (Florença, Itália), da Universitat Politècnica de València (Espanha) e da Università degli Studi di Cagliari (Sardenha, Itália). Refere-se ainda a colaboração de 6 instituições de 5 países (Suécia, Reino Unido, República Checa, Eslovénia e Chipre) e o apoio institucional de 2 entidades internacionais, o ICOMOS-CIAV (International Council on Monuments and Sites – International Scientific Commitee of Vernacular Architecture) e o ICOMOS-ISCEAH (International Scientific Committee on Earthen Architectural Heritage), todos
reunidos pela ESG nesta candidatura europeia.
No âmbito de 318 candidaturas apresentadas pelos 27 países europeus, segundo o júri, o projecto VerSus destacou-se pela metodologia e rigor da candidatura apresentada, assim como pela qualidade da parceria europeia.
O projecto VerSus inicia-se a 1 Out. 2012 e termina a 30 Set. 2014. A primeira reunião da parceria europeia realiza-se em Vila Nova de Cerveira, em Out. 2012. O projecto VerSus representa o 4º projecto de investigação de âmbito europeu, que a ESG ganha, desta vez como coordenadora de projecto. A aprovação desta candidatura vem consolidar a qualidade da investigação científica na ESG/ Escola Superior Gallaecia (www.esg.pt).