quarta-feira, 7 de março de 2012

ESG/ Escola Superior Gallaecia vence Candidatura de Projecto de Investigação Europeu

O Arquitecturas de Terra tem muito prazer em informar que a Escola Superior Gallaecia venceu o projecto de investigação europeu VerSus, dedicado ao Património Vernáculo e ao seu contributo para uma Arquitectura Sustentável, no âmbito do Programa Cultura da União Europeia.
A candidatura foi apresentada pela ESG/ Escola Superior Gallaecia, na qualidade de Project Leader, com parceria do Laboratório CRAterre-ENSAG (Grenoble, França), da Università degli Studi di Firenze (Florença, Itália), da Universitat Politècnica de València (Espanha) e da Università degli Studi di Cagliari (Sardenha, Itália).
Para mais informações, consulte o Centro de Investigação ESG (CI-ESG) ou clique aqui.


A ESG/ Escola Superior Gallaecia venceu o Projeto de Investigação Europeu “VERSUS: Lessons from Vernacular Heritage to Sustainable Architecture” (VerSus: Lições do Património Vernáculo para Arquitectura Sustentável) ao abrigo do Programa Europeu Cultura (2007-2013). O projecto foi submetido no âmbito da linha de investigação ‘Arquitectura e Património’, do CI-ESG, Centro de Investigação da Escola Superior Gallaecia (www.esg.pt/ciesg), coordenado pela Prof.ª Doutora Mariana Correia. Considerando que a arquitetura vernácula representa um recurso com métodos e estratégias amplamente desenvolvidos e com potencial para definir princípios de projecto sustentável no âmbito da arquitetura contemporânea, o projeto VerSus visa identificar e
analisar princípios e componentes sustentáveis do património vernáculo, para sua readequação na arquitetura contemporânea actual.
A candidatura foi apresentada pela ESG/ Escola Superior Gallaecia, na qualidade de Project Leader, com parceria do Laboratório CRAterre-ENSAG (Grenoble, França), da Università degli Studi di Firenze (Florença, Itália), da Universitat Politècnica de València (Espanha) e da Università degli Studi di Cagliari (Sardenha, Itália). Refere-se ainda a colaboração de 6 instituições de 5 países (Suécia, Reino Unido, República Checa, Eslovénia e Chipre) e o apoio institucional de 2 entidades internacionais, o ICOMOS-CIAV (International Council on Monuments and Sites – International Scientific Commitee of Vernacular Architecture) e o ICOMOS-ISCEAH (International Scientific Committee on Earthen Architectural Heritage), todos
reunidos pela ESG nesta candidatura europeia.
No âmbito de 318 candidaturas apresentadas pelos 27 países europeus, segundo o júri, o projecto VerSus destacou-se pela metodologia e rigor da candidatura apresentada, assim como pela qualidade da parceria europeia.
O projecto VerSus inicia-se a 1 Out. 2012 e termina a 30 Set. 2014. A primeira reunião da parceria europeia realiza-se em Vila Nova de Cerveira, em Out. 2012. O projecto VerSus representa o 4º projecto de investigação de âmbito europeu, que a ESG ganha, desta vez como coordenadora de projecto. A aprovação desta candidatura vem consolidar a qualidade da investigação científica na ESG/ Escola Superior Gallaecia (www.esg.pt).
 

Sem comentários: